novembro 07, 2007

Infinita


Corre, escorre..tal qual corredeira,
Escapa, desliza, evapora,
Quando nos damos conta... passou .. ficou no passado...
a VIDA.
E, mesmo assim teimamos em pensar que ...
a VIDA é infinita.
(Talvez seja, mas não aqui.)

4 comentários:

Edson Marques disse...

.


Mas, é!

Se a Vida não for infinita, a morte venceria essa batalha...


O extremo é às vezes o meu meio.


Abraços, flores, estrelas..

Codinome Beija-Flor disse...

Edson,
Eu sei que é.. mas não " só" aqui.
Abraços

Tozé Franco disse...

Muitas vezes penso no que poderia ter feito e não fiz, mas não vivo preso a isso.
O tempo passa, mas atrás do tempo, tempo vem...
Um abraço e bom Domingo.

Menina do mar disse...

E onde quer que seja essa vida, que agente se continue encontrando por lá!
Beijos

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin