janeiro 10, 2007

Teoria da Rilindinha


Diz assim:
- E se amanhã eu estiver morta?
Ou seja, Rilindinha vive todos os bons momentos de forma intensa e sem hipocrisia.

4 comentários:

Emilia disse...

Viver o dia como se fosse o último, uhmm, faz Rilindinha muito bem, mas para mim isso seria demasiado intenso...

Segredos da Esfinge disse...

Emilia,
Mas ela tem razão (e muita).
beijinhos

J@de disse...

Rilindinha faz bem, mas infelizmente não sei ser assim... eu vou com a Emília... prá mim é intenso demais... eu prefiro viver mil anos a dez!! hehehehe!!

Rilindinha disse...

Vamos tentar explicar melhor... faço o que tenho vontade SIM. Não vou me preocupar com os 'pré - conceitos' que possam aparecer na minha frente. claro que nunca fiz algo de tão preocupante assim, mesmo pq qdo digo isso é principalmente em relação ao amor... ao meu amor... e por ele eu realmente não me importo com nada que possa acontecer, mas sim ama-lo ama-lo e cada dia mais!
Bjinhos a todos!

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin