fevereiro 24, 2007

Resíduo


Carlos Drummond de Andrade
"...fica sempre um pouco de tudo"


2 comentários:

J@de disse...

Tá inspirada hein garota? hehehehe!!
Beijos!!

Emilia disse...

Que doce e expressiva a voz de Paulo Autran, grande senhor do teatro e da televisão! Nós o admiramos aqui em Portugal.
O poema é lindo e verdadeiro.Como você tem ideias boas, hein garota (como diz a Jade)!
Bjos

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin