março 05, 2007

Obrigada

O dia pode ter sido ruim, mas a noite...NÃO FOI.
Cheguei em casa e ganhei abracinho apertado e beijinho da filhota.
Ganhei beijinho da minha mãe (está passando uns dias comigo), não bastando no jantar teve comidinha de mãe.
Pensa que acabou? Não acabou... minha Alcione acaba de cantar pra mim, no programa da Hebe Camargo (claro que só assisti porque minha mãe estava assistindo. Nem lembro de ligar a televisão).
Vai dizer que é coisa do acaso?
Ela cantou a seguinte canção:
Obrigada

Deus me deu a arte como dom
Foi como nascer numa avenida
Meu primeiro choro foi no Tom
foi pra mim tão bom
Tenho a fé fortalecida
Já cheguei sabendo a profissão
Ela é a missão da minha vida
Se eu puder tocar um coração
Faço a minha obrigação
Estou sempre agradecida,
Agradecida
Abro o coração em oração
Rezo o meu terço
Grata à vocação,à inspiração
Que vem de berço
Que essa luz divina que do alto,
venha iluminar meu palco como desce o véu.
Sinto a mão do Pai,
Que Ele está perto e me segura*
Manga quando cai no tempo certo está madura
Tudo que acontece tem uma razão de ser
E agradeço aos céus
Obrigada meu Deus
Pelos casos de amor que eu já fiz começar
E das brigas sofridas,
de dor que eu também ajudei a curar
pelo povo que segue comigo
O amigo que vai onde estou pra me ver cantar
Obrigada meu Deus
Obrigada por tantos valores
O talento das mãos de quem sabe tocar
Os poetas e compositores,
Essa força que eu sinto no ar
Minha vida é um show e o roteiro foi Deus quem traçou
Abro o coração em oração...

(Chico Roque/Sérgio Caetano)
* Eu também sinto

3 comentários:

J@de disse...

Viu como ligar a televisão é bom de vez em quando? Mãezinha em casa é tudo de bom né?
Armando vive botando essa música lá na Neuza, é linda demais!!
Beijos!!

Emilia disse...

Essa sua Alcione, que mulher com força e voz maravilhosa!Que bom sempre ter link quando Vc fala de música, isso torna seu blog tão carinhoso e acolhedor como uma casa com mamãe dentro, fazendo comida, carinho, companhia e tudo o mais q mãe faz, porque a lista nunca termina. Eu sei...
Beijos aí para a Senhora, Dona Segredos. A Senhora tem uma filha que é um amor, tenho certeza que a Senhora também é.

jorge disse...

subscrevo as palavras da emília

bj

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin