dezembro 04, 2008

Solidão

"O mal do século é a solidão.
Cada um de nós imerso em sua própria arrogância,
esperando por um pouco de afeição."
(Renato Russo)

6 comentários:

caurosa disse...

Olá Beija-flor, realmente a solidão dói.Para mim uma forma de ajudar o solitário, é através de um sorriso.
Muita paz e harmonia para você.

Forte abraço

caurosa.wordpress.com

maria ferraz disse...

Eu só sei de uma coisa.
Quero afeto já!
bjs

Verônica disse...

Tenho uma opinião, solidão é o estado de espírito, coisa que a gente quer sentir e sentir mesmo, com a intensidade da palavra, no mundo existem mais de não sei quantos milhões de pessoas, mas continuamos sozinhos, eu gosto de entrar no quarto, apagar a luz e ficar sozinha (já não faço isso a muito tempo por causa da minha bebê), mas fico assim, viajo no mais profundo de mim, penso, choro, oro, etc.etc. essas coisas q só dá pra fazer quando se está sozinho....

Nuno de Sousa disse...

Ainda bem q não estamos sós mas realmente é mto mau para quem esta só ainda mais numa altura destas...
Por isso ainda bem que temos amizades como a tua e nos sentimos bem acompanhados. Bjs e boas festas amiga.
Nuno de Sousa

Jéssica V. Amâncio disse...

adorei!Renato Russo é o que há.

Johnny Garden disse...

Não sou solitário mas já fui.
Não sou arrogante mas já fui.
Baixando a guarda a afeição chega de um modo tão surpreendente que você não tem mais tempo para ser solitário.

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin