dezembro 18, 2006

Entendimento

Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.
Porque os corpos se entendem, mas as almas não.
(Manoel Bandeira)

Poeta perdão!
Não concordo com sua visão,
mesmo que não exista o amor,
é sempre preciso uma comunhão,
comunhão de almas, que envolve os corpos,
e só através das almas, os corpos entender-se-ão.

5 comentários:

Mosana disse...

já não sei se devo concordar com o poeta ou com vc!
ahuahauhauahauhauh
beijos lindona!!!!!!!!!!
PS: tb assisti ao especial do RC!

Emilia disse...

Eu estou muito mais de acordo com você! Comunhão de almas, sintonia de sentimentos primeiro, depois comunhão de corpos.
Mas lá que não é fácil as almas se entenderem, não é mesmo. Já estou como Mosana...
Bj

LucioInferro_Adolfo disse...

Tens toda a razão...pá.

corpos entendem-se com almas até à morte

J@de disse...

Estou mais propensa a concordar com Bandeira... prás almas se entenderem há que se ter muita paciência, um espírito muito elevado... se entender no físico é mais fácil... ao menos prá mim é o que foi até agora... hehehehe
Beijos!!
Pode tirar o link do outro blog tá minha linda, eu vou ficar sua vizinha mesmo!!

jorge disse...

para mim fazer sexo pelo sexo é bom, mas nunca será indispensável. indispensável é complementar o amor com o sexo.

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin