abril 20, 2007

Palavras


Sem palavras nos olhamos,
Sem palavras nos tocamos,
Sem palavras nos abraçamos,
Sem palavras nos beijamos,
Sem palavras nos entrelaçamos,
Sem palavras nos entregamos,
Sem palavras nos amamos,
Porque todo sentimento vale muito mais que...
... CEM palavras.

11 comentários:

Anônimo disse...

Que lindo, Esfinge...
Parabéns por estes momentos tão inspirados seus...
Beijinhos!
v

J@de disse...

Essa moça anda inspiradíssima!! Lindo nega, lindo!!
Beijos!!

Emilia disse...

Credo, de onde tirou toda essa inspiração?
Bjos.

Segredos da Esfinge disse...

V...
Bondade sua.
Bjos


Jade,
Ao menos vamos usar as palavras, não é??
Bjos


Emília,
Assustou??? "Credo"
Só tirei das palavras.
Beijinhos

Anônimo disse...

Fiquei sem palavras.

Tozé Franco disse...

Excelente foto. Bonito poema. Vale mais de cem palavras.
Estou sem palavras para dizer mais alguma coisa.
Um abraço.

Mari disse...

Segredos da Esfinge.

Gostei da poesia. Onde há palravas bonitas como estas, há amor...

Bjs

Mari

Cris disse...

Eu diria 108 palavras de amor. Eu juro que vi um oito nos corpos.
Lindo segredo.
Bjs.

Segredos da Esfinge disse...

Tozé,
Obrigada pela visita e pelas "Palavras".
Abraços


Mari,
Há sim, mesmo que adormecido.
beijinhos

Cris,
Eu também vejo o número 8... e vejo muito mais ...
Beijos

Jota Effe Esse disse...

Sem comentários. Abraços.

Rubina disse...

É o que digo Segredos. O seu blogue é um mimo. Abraço e boa semana :)

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin