dezembro 21, 2007

Só estou colhendo da vida o que plantei.
Nada mais.
Nada menos.

6 comentários:

Edson Marques disse...

Quando eu era pequenino, na fazenda do meu pai plantei um pedacinho de terra com feijão. Não me lembro a medida, mas acho que era uma "quadra".

Fiquei tão contente.

Cuidava das plantinhas todo dia, nas férias.

Mas uma tempestade de granizo destruiu minha colheita...

(Isto não é ficção.)


/// Abraços, flores, estrelas..

Edson Marques disse...

Postei esse comentário deixado aqui no blog Mude, hoje.


Em tua homenagem.


Abraços, flores, estrelas..

Tem Presente de Natal em http://liberdade.blogspot.com

Osc@r Luiz disse...

Não me importa o seu idioma, ou onde você está. O meu desejo é o mesmo:

Alemanha: Fröhliche Weihnachten

Bélgica: Zalige Kertfeest

Brasil: Feliz Natal

Bulgária: Tchestito Rojdestvo Hristovo, Tchestita Koleda

Catalão: Bon Nadal

China: Sheng Tan Kuai Loh (mandarín) Gun Tso Sun Tan'Gung Haw Sun (cantonés)

Coréia: Sung Tan Chuk Ha

Croácia: Sretan Bozic

Dinamarca: Glaedelig Jul

Eslovênia: Srecen Bozic

Hispanoamérica: Felices Pascuas, Feliz Navidad

Estados Unidos da América: Merry Christmas

Hebraico: Mo'adim Lesimkha

Inglaterra: Happy Christmas

Finlândia: Hauskaa Joulua

França: Joyeux Noel

País de Gales: Nadolig Llawen

Galego (na Galicia): Bo Nada

Grécia: Eftihismena Christougenna

Irlanda: Nodlig mhaith chugnat

Itália: Buon Natale

Nova Zelândia em Maorí: Meri Kirihimete

México: Feliz Navidad

Holanda: Hartelijke Kerstroeten

Noruega: Gledelig Jul

Polônia: Boze Narodzenie

Portugal: Boas Festas

Romênia: Sarbatori vesele

Rússia: Hristos Razdajetsja

Sérvia: Hristos se rodi

Suécia: God Jul

Tailândia: Sawadee Pee mai

Turquia: Noeliniz Ve Yeni Yiliniz Kutlu Olsun

Ucrânia: Srozhdestvom Kristovym

Vietnã: Chung Mung Giang Sinh

São os votos do "By Oscar Luiz", do "Flainando na Web" e do "Gente Sem Saúde".

E que 2008 seja o ano das suas realizações!
Um grande beijo deste amigo meio sumido mas que não se esquece de você!

Tozé Franco disse...

Um Santo Natal para si e para os seus.
Um abraço.

paula barros disse...

interessante como uma frase pode nos trazer lembranças. Observo como os blogs vão se interligando, as memórias vão voltando, os escritos vão aparecendo, as emoções vão fluindo. Muito bom.
De alguma forma colhemos o que plantamos, mesmo que não seja o que queremos colher.
bjs

Joana disse...

Pois é, o problema é que às vezes plantamos a achar que vai crescer ali uma grande árvore, bonita e cheia de frutos e isso não acontece...
Somos uns aprendizes de jardineiros, mas o bom é ir sempre plantando, às vezes as colheita é boa!
Bjinhos

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin