dezembro 14, 2006

Iluminado

(Foto: Fernando Mucci)

Quantas vezes já ouvi alguém dizer: "Tal pessoa é iluminada!"
Com certeza já usei a mesma expressão, pois de fato conheço pessoas iluminadas.
Mas nunca pensei ver a LUZ de um pessoa ILUMINADA.
A luz se fez presente quanto O iluminado João Carlos Martins adentrou no palco da Sala São Paulo.
Ocorreu algo inexplicável, aquela ALMA não cabia mais nos limites do corpo, do palco.
A amplidão da ALMA tomou todo espaço, alcançou/tocou cada um de nós ali presente.
O corpo entregou-se a melodia de cada nota musical e dançou, uma dança envolvente, o corpo em êxtase, como se estivesse tomado por um orgasmo múltiplo.
A feição do rosto era de prazer supremo, algumas vezes, olhos cerrados para ver além, ver coisas que olhos abertos não vêem.

4 comentários:

Menina do mar disse...

Lindo!

Tozé Franco disse...

Excelente descrição, acompanhada de uma música belíssima.
Um abraço.
PS:Também tenho música no meu canto.

edson marques disse...

Sim, concordo: iluminado!


Em muitos e muitos sentidos.



Abraços, flores, estrelas..

Diego! disse...

Já tive o prazer de estar no mesmo ambiente de pessoas assim.
abraço.Até...

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin