outubro 30, 2008

Escrita Cristalina

Dom é para quem tem e não para quem quer.
Faz mais ou menos um ano e meio (um pouco mais, talvez) que eu leio o blog da Joana .
Sempre me chamou atenção o modo que essa moça tão jovem escreve (de forma tão madura).
Há quem diga : "Essa Beija-flor quer demonstrar rasgação de seda, para quem sabe fazer uma média com a Joana ".
Poupe seu tempo e comentários infelizes, já sou bem velhinha para fazer média (não fazia nem quando era nova).
Minha admiração pelo modo que Joana escreve foi de imediato, não tenho e não teria motivo para admirar se de fato não tivesse a qualidade e sensibilidade que tem.
É gratificante ler algo com qualidade (qualidade no modo de escrever, capacidade de ir além das palavras e tocar a alma), algo completamente diferente de amontoados de boas palavras com sentimento superficial (escrever direito e não dizer nada).
O sentir é para quem sabe sentir e não para quem finge sentir o que não sente.
Modéstia a parte (ou plena falta de modéstia, essa capacidade de sentir eu tenho).
Sentir o que vem d´alma através de um texto cheio de emoção, sentir o que nos toca através de uma canção, sentir o que é amor pelos rimas de um poema, isso eu sinto e pronto.
Ler Joana é sentir que sua escrita tem a semelhança de um rio a fluir na correnteza do pensamento, as palavras vão deslizando pela sua emoção, como água cristalina correndo em direção do mar.
Um texto que corre solto, aparentemente sem rascunhos, um texto que nasce já com começo-meio-fim, uma escrita limpa sem reparos.
Sento que seu livro tem muito emoção que sinto ao ler seu blog e muito mais.
Segue uma pequena amostra.
Agora é torcer para o livro chegar aqui, bem rapidinho.

3 comentários:

Alguns Anos Depois disse...

ah que lindo! E sei que é bem sincero. escrevo o que sinto, e continuarei a escrever porque é a minha forma de "mandar" sentimentos cá para fora, porque às vezes pesam muito dentro de mim, mas ler estas coisas, que outras pessoas apreciam desta forma a minha escrita é a melhor maneira de eu nunca parar de escrever.
Saber que o que sinto chega assim a alguém é a única coisa que me faz pensar que posso ter realmente um dom.
beijão muito grande

E vamos rezar para meu livro chegar rápido aí no Brasil! :)

Menina do mar disse...

Eu quero ler sim!!!
Sou uma leitora assídua apesar de não comentar o blog da Joana. Descobri-o graças a ti e por isso agradeço!
Parabéns e votos de muitas felicidades para ela com a promessa de encontrar esse livro em breve!
Um beijo de bom fim de semana para ti, saudades!

Emília disse...

Que bela dádiva, este post a Joana e seu livro!Você, leitora inteligente e assídua, muito contribui para incentivar a escrita dela e a divulgar. Bem haja por isso e a retribuição, com carinho, da sua amizade.

O Que Sou:

Um misto de:
Fracasso e conquista,
Coragem e medo,
Brutalidade e fragilidade,
Vida e morte, mulher e bicho,
Sonhos e pesadelos.
Sou um fio de esperança.

"Um misto de fracasso e de conquista.
Um medo transmutado de coragem.
Tão frágil como a rosa que se avista.
Brutal no cinzentismo da paisagem.
Assim mulher e bicho me retrato.
Mesclando o pesadelo com o sonho.
E vivo de incertezas... e me mato.
Num fio de esperança que reponho."
(Jorge)

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin